Ultimas Notícias
Campanha informativa do MP esclarece direitos dos idosos na compra de passagens do transporte coletivo
Material da campanha foi distribuído na rodoviária de Goiânia
18/09/2018
     O Centro de Apoio Operacional (CAO) dos Direitos Humanos do Ministério Público de Goiás iniciou nesta segunda-feira (17/9) uma campanha de esclarecimento sobre gratuidade no transporte coletivo para a pessoa idosa. A coordenadora do CAO, Patrícia Otoni, e uma equipe da área estiveram no terminal rodoviário de Goiânia para dar início a esta ação.

     Contando com o apoio da administração da rodoviária da capital, os integrantes do MP afixaram cartazes e distribuíram folder explicativos, com informações sobre as principais dúvidas relativas às gratuidades em benefício às pessoas idosas definidas em lei para o transporte municipal, intermunicipal e interestadual. De acordo com a atendente Jaqueline Monteiro, que trabalha no Serviço de Atendimento ao Cliente (SAC) da rodoviária, dúvidas quanto ao direito à gratuidade de passagens para os idosos é um dos principais questionamentos feitos no SAC. A promotora Patrícia Otoni destacou que demandas em relação à garantia desse direito também gera várias consultas dos promotores de Justiça ao CAO Direitos Humanos.

     A equipe do CAO também entregou o folder explicativo em guichês das empresas de ônibus e abordou alguns idosos para esclarecimento da proposta. Segundo Benício Jorge de Macedo, de 75 anos, é difícil conseguir a gratuidade e também o desconto de 50% quando as vagas destinadas no ônibus já foram preenchidas. “Às vezes é tão difícil conseguir, que a gente acaba pagando o preço normal”, afirmou.

     Segundo adiantou a promotora Patrícia Otoni, o material para a campanha será encaminhado às Promotorias de Justiça do interior, para que a iniciativa seja replicada em todos os terminais rodoviários do Estado. Confira na imagem do cartaz um resumo dos principais direitos em relação à gratuidade. (Texto: Cristina Rosa - fotos: João Sérgio  / Assessoria de Comunicação Social do MP-GO) 


COMENTÁRIOS
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
Quanto é 8 + 10Responda:

Mais Recentes

AINDA NÃO HÁ NENHUM COMENTARIO, SEJA VOCÊ, O PRIMEIRO A COMENTAR...

Fique Ligado
Jornal
do Sudeste
MENU