Ultimas Notícias
Secretário cumpre agenda de visitas técnicas em Pires do Rio e região
22/03/2019
         Nesta quinta-feira, 21 de março 2019, o titular da SES-GO, Ismael Alexandrino, visitou os municípios de Ipameri e Pires do Rio, no Sudeste Goiano, onde foi recebido pelos gestores locais, que o acompanharam por unidades de saúde das cidades. A nova gestão da Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO) continua com a agenda de visitas técnicas por todo o Estado. Viagens têm como objetivo conhecer os equipamentos de saúde de cada região, na busca pela regionalização da saúde por todo o Estado.

      O gestor estadual justificou o que o tem levado aos municípios goianos. “Nós temos percorrido as cidades de todo o Estado para conhecer melhor os equipamentos e unidades de saúde que estão distribuídos nesses locais, sejam eles públicos, privados ou filantrópicos. Queremos entender o que temos de potencialidades e fragilidades em cada local para que possamos pensar a saúde de forma integral, para que assim, o cidadão goiano não fique desassistido e recorra à Goiânia para resolver os problemas de saúde”, disse.

      Nesse sentido, as visitas do secretário, acompanhado por sua equipe técnica, busca entender as necessidades e possibilidades que cada município tem, para colaborar no processo de regionalização da saúde, que já começa a ser desenhada em Goiás, conforme já antecipou o secretário. “A regionalização é nossa prioridade, e nossa ideia é ter 17 policlínicas regionais por todo o Estado ao longo desses quatro anos de gestão”, lembrou.

      Policlínicas cirúrgicas

      A proposta é implantar policlínicas regionais, de aproximadamente 3 mil metros quadrados de estrutura física, hospedando especialidades médicas, apoio e diagnóstico, laboratório e exames de imagem. Outro modelo, denominado policlínica cirúrgica, também está sendo desenvolvido para ir além do tratamento ambulatorial.

      Alexandrino frisou que essas estruturas vão proporcionar maior qualidade de vida para os pacientes interioranos, que percorrem até 500 km até Goiânia na busca por atendimento médico de qualidade. “Às vezes a pessoa precisa fazer uma tomografia, um exame de imagem, e tem que se deslocar até a capital. Pacientes crônicos também sofrem, a exemplo de renais crônicos, que passam horas dentro de veículos ao menos três vezes na semana, em busca de hemodiálise”, exemplificou.

      Por meio do tripé da gestão, que une a regionalização, a regulação eficaz, contemplando todos os municípios e, a operacionalização eficiente das unidades hospitalares com sustentabilidade financeira, o secretário acredita que chegará ao final da administração com um Sistema Único de Saúde (SUS) mais igualitário para a população goiana, como lembrou, ao falar dos princípios do SUS. “A saúde não tem partido político e o SUS deve ser integral, respeitando os seus princípios de universalidade, equidade e integralidade”, citou.

      Ipameri

      No município de Ipameri, o secretário, acompanhado da prefeita Daniela Vaz, visitou um terreno doado ao Governo de Goiás, para o qual se estuda a construção de uma policlínica regional. Alexandrino ressaltou que ainda não há nada definido e que a visita serve justamente para conhecer as potencialidades locais. “Vamos visitar as demais unidades e voltar para Goiânia com ideias. Em conjunto com nossa equipe técnica vamos avaliar a possibilidade da construção de uma policlínica aqui neste terreno”, pontuou.

        Daniela Vaz agradeceu o empenho do secretário em conhecer o terreno e as unidades que já funcionam no município. “Nos colocamos à disposição para demais estudos que venham acontecer para a implantação dessa unidade aqui em nossa cidade. Isso proporcionará comodidade para a população local e também para moradores de mais 22 municípios dessa região”, avaliou. No município, o secretário também conheceu as instalações do Pronto- Socorro Municipal Dr. Carlos Antônio Costa Marot.

      Pires do Rio

      Localizada a 147 km de Goiânia, Pires do Rio, que também faz parte da região de Saúde Estrada de Ferro – com Ipameri e outros 16 municípios – foi a segunda etapa da visita do secretário Ismael Alexandrino e sua comitiva, nesta quinta-feira, 21. Eles foram recebidos pela prefeita, Cleide Aparecida Veloso, e pela a secretária municipal de Saúde, Karla Cristina Miranda.

      O Centro de Atenção Psicossocial (Caps) Sebastiana Gonçalves de Araújo foi o primeiro local a ser visitado. Lá, a secretária de Saúde da cidade agradeceu o apoio estadual às demandas de saúde da região. “O apoio do governador tem sido fundamental para manter e melhorar os serviços de saúde do município e região”, comemorou.

      Nesse município, as verbas parlamentares do governador Ronaldo Caiado durante o mandato de senador beneficiou o Hospital Municipal com R$ 400 mil, que foram destinados para compra de novos equipamentos e reforma da estrutura física da unidade. Já uma emenda parlamentar durante o mandato como senador do atual secretário estadual de Indústria, Comércio e Serviços, Wilder Morais, também beneficiou a cidade com um valor que superou os R$ 400 mil.

      Hospital Municipal

      Segundo Alexandrino, o Hospital Municipal, com centro-cirúrgico, centro obstétrico e enfermaria, pode colaborar para a regionalização da saúde e atender os pacientes da região Estrada de Ferro, diminuindo o número de encaminhamentos para as unidades da capital. “Este hospital é símbolo do comprometimento do governador com a saúde do Estado e, agora, poderá se tornar um polo regional para auxiliar a regionalização da saúde em Goiás”, definiu Ismael.

      Felipe Cordeiro (texto) e Erus Jhenner (fotos), da Comunicação Setorial


COMENTÁRIOS
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
Quanto é 2 + 9Responda:

Mais Recentes

AINDA NÃO HÁ NENHUM COMENTARIO, SEJA VOCÊ, O PRIMEIRO A COMENTAR...

Fique Ligado
Jornal
do Sudeste
MENU