Bicicletas viram cadeiras de roda em Acreúna
04/03/2011
      O hospital municipal e pessoas carentes de Acreúna receberão no próximo sábado, dia 5, três cadeiras de rodas feitas por detento do regime fechado, que cumpre pena no presídio do município. As cadeiras foram produzidas na oficina do presídio, com peças de bicicletas apreendidas pela polícia . A atividade conta com o apoio da comunidade. O diretor do presídio de Acreúna, Vildebal Alves dos Reis Júnior, diz que a sociedade deve saber que os presos podem ser úteis e são capazes de produzir. “Isso é bom para a autoestima do indivíduo, que passa a acreditar na reintegração social e a investir na construção de uma nova vida”, completa. As partes não utilizadas das bicicletas são vendidas como sucatas a ferros-velhos da cidade. O dinheiro é revertido para a compra de tintas e outros materiais para a construção das cadeiras. A previsão é de que, em breve, o Centro de Inserção Social receba mais bicicletas e a produção seja ampliada. Agecom

Untitled Page
JORNAL          SUDESTE