Dia de Finados: uma tristeza para muitas pessoas
02/11/2018
     Dia de Finados: a data é fixa e será sempre celebrada no dia 2 de novembro.No dia dois de novembro, feriado nacional, comemora-se em todo o Brasil o Dia de Finados, data em que os mortos são lembrados e homenageados. Na cultura brasileira, parentes visitam o túmulo dos mortos da família levando flores e acendendo velas; já os fiéis, também rezam em sua memória.

     Origem

     O costume de homenagear os falecidos remonta ao ano de 998, quando o abade francês São Odílio de “Cluny” decretou que todos os mosteiros de sua circunscrição orassem pelos mortos1, conhecidos ou desconhecidos, religiosos ou leigos. O decreto virou tradição, tornando-se cada vez mais popular, até que, no século XIII, o dia 2 de novembro foi escolhido como a data oficial da celebração2.

     O Dia de Finados é celebrado logo após o Dia de Todos os Santos, em 1° de novembro. Se o primeiro dedica-se a homenagear os que já se foram, o segundo festeja os santos que morreram em estado de graça, mas que não foram canonizados3.

     Na tradição católica, os mortos são lembrados por meio de leituras e cânticos realizados durante as missas. A morte não é vista como o fim, mas como a passagem entre a vida humana e a vida eterna. As culturas da Umbanda e do Candomblé também festejam seus mortos, sendo a morte também um tipo de passagem. No Dia de Finados, é realizado um ritual chamado mesa de conforto, com velas, areia do mar, flores brancas e a ladainha dos defuntos. Já os espíritas não realizam homenagens aos mortos, por considerarem que o que morre é somente o corpo, sendo que o espírito permanece vivo. Judeus não comemoram a data; a vida dos que foram fica na lembrança. Evangélicos também não festejam os mortos, sendo que a vida é valorizada durante a vida. No Islamismo, há a crença de que Allah criou o mundo e devolverá a vida a todos os mortos no Dia do Juízo Final. Por outro lado, não há o hábito de celebrar os mortos1.

     Uma das festas mais populares dedicadas aos mortos acontece no México, entre 31 de outubro e 2 de novembro. As famílias dos falecidos preparam um verdadeiro banquete, com uma grande variedade de comidas e bebidas. De tão expressiva, a celebração foi considerada patrimônio cultura da humanidade pela Unesco4. Informações e texto de http:

     icalendario.br.com/festa-crista/finados

     Referências

     FRANÇA, Carla. O fim da vida visto pelas religiões. Disponível em http:

     tribunadonorte.com.br/…/o-fim-da-vida-visto-p…/130096, visto em 09/04/2015.

     BARCINSKI, André. Dia de Finados é celebrado em diferentes países; saiba a origem a data. Disponível em http:

     www1.folha.uol.com.br/…/1365586-dia-de-finados-e-cel…, visto em 09/04/2015.

     Consultar http:

     www.radioboanoticia.com.br/origem-do-dia-de-finados/, visto em 09/04/2015.

     TORIBIO BRITTES LEMOS, Maria Teresa. A doce vida dos mortos. Disponível em http:

     defender.org.br/artig…/mexico-a-doce-vida-dos-mortos

     /

Untitled Page
JORNAL          SUDESTE