Tradição:Folia de Reis
06/01/2019
     A tradicional Folia de Reis dos Baianos de Pires do Rio que perdeu seu líder José Dias de Alecrim a pouco mais de um ano e mesmo assim  tem dado sequência ao manifesto de concluir as celebraçõs das festividades natalinas com a festa da Epifania.\\\\Segundo a história, astrólogos iniciaram uma caminhada seguindo uma estrela que começou dar sinais cerca de dois anos antes do nascimento de Cristo.Esse cometa parou sobre uma estrebaria  Belém de Judá e ali naquela gruta  os magos entraram e encontraram a mãe com o menino e abrindo seus cofres ofertaram ouro ,incenso e mirra.\\\\O ouro, segundo a tradição era presente dedicado a monarcas,afinal um Rei havia nascido.o incenso por ser oferecido somente a Deus e Ele  era Divino e a Mirra por ser usada em embalsamamento ,iria Ele morrer como homem.\\\\Por volta do ano de 1938 os primos Oscar e José Baiano implantaram no município de Pires do Rio o manifesto que ficou conhecido como \"Folia de Reis dos Baianos\"e circulavam com uma bandeira  na zona rural ,após alguns anos com o desenvolvimento do município passaram a girar no perímetro urbano e assim tem sido até o presente momento.\\\\Todos os anos em data de 06 de janeiro a Folia faz a entrega da bandeira no Salão do Rosário onde é servido ao público presente um jantar.\\\\A Folia ainda possui algumas características de sua originalidade como a exemplo o canto de entrega entoado por Rozalina Paes Mendonça filha de um dos pioneiros. Porém a necessidade de inovações oferece a inauguração de um novo tempo à folia que apresenta na festa de encerramento  a figura de magos e peças teatrais que embora descaracterizando o estilo da festa fomenta o processo de continuidade do reisado. Texto Paulo Sampaio - Historiador

Untitled Page
JORNAL          SUDESTE